“Os Pontos de Cultura são espaços permanentes de experimentação, encanto, transformação e magia.”
- Luiz Inácio Lula da Silva, Ex-Presidente da República.

“O Ponto de Cultura é “uma espécie de ‘do-in’ antropológico, massageando pontos vitais, mas momentaneamente desprezados ou adormecidos, do corpo cultural do País”
- Gilberto Gil, Ex-ministro da Cultura

O programa dos Pontos de Cultura começou em 2003, mas chegou na Bahia em 2009 apenas, quando 150 projetos foram aprovados para participar do primeiro edital. Não se trata de um bloco padronizado, onde todas as iniciativas deveriam seguir o mesmo caminho. Ao contrário, cada Ponto tem a liberdade de realizar as suas próprias atividades.

O apoio financeiro e a construção de uma rede de Pontos que, antes, geralmente não se conheciam caracterizam o primeiro grande programa brasileiro nas áreas social e cultural.